Saiba de nossas notícias em primeira mão.

Inteligência artificial dá movimentos para Mona Lisa

Inteligência artificial aplica expressões faciais de uma pessoa na imagem, que passa a se comportar como ela

25/05/2019  às  15:59:40
Inteligência artificial dá movimentos para Mona Lisa

Apartir de apenas uma imagem estática, fotos e pinturas ganham vida com software de inteligência artificial (IA). O modelo de animação envia as expressões faciais de uma pessoa para a imagem. Assim, tudo que a pessoa fizer no rosto, a foto ou a pintura também faz. O método tornou possível, por exemplo, que a Mona Lisa, do retrato pintado pelo gênio do Renascimento Leonardo da Vinci, se mova e fale como uma pessoa real.

A tecnologia, que foi desenvolvida pela Samsung, também deu “vida” para fotos de celebridades, como o físico Albert Einstein e o pintor Salvador Dalí. Os pesquisadores treinaram o algoritmo analisando expressões faciais de mais de sete mil imagens de celebridades por meio de vídeos no YouTube.

Como lidar com a invasão da inteligência artificial

Os pesquisadores usaram pontos importantes do rosto para uma análise mais veloz. Entre esses pontos, o formato do rosto, dos olhos, do nariz, entre outros. A técnica se encaixa no campo dos deepfakes, vídeos que simulam cenas aplicando técnicas de inteligência artificial a imagens existentes.

A IA ainda não cria imagens animadas perfeitas, e por enquanto, só consegue trazer movimento para o rosto. Mesmo assim, o sofware representa um avanço, já que os pesquisadores conseguiram usar apenas uma imagem estática para criar o vídeo. A maioria dos modelos de animação de fotos precisa de uma quantidade grande de dados, como vídeos de pelo menos dois minutos, em vez de uma simples imagem, para alcançar o resultado.

O trabalho só foi possível graças ao processo chamado de “aprendizado único”. Ou seja, o sistema trabalha antecipadamente antes de animar a imagem.

Poste em sua rede social